tabler logo
Novidades sobre o WoW Clássico

Anunciado no evento da BlizzCon em 2018, World of Warcraft Classic estará disponível no período do nosso inverno aqui no Brasil, entre os meses de junho a setembro. Para jogá-lo será necessário possuir um plano de assinatura do World of Warcraft ativo.

No demo jogável que foi liberado em Novembro de 2018 para teste, foram reportados diversos bugs, skill que não funcionavam como deveriam, combate e afins, o que é normal para um jogo no porte de WoW. A Blizzard informou que acolheu todos os feedbacks e que está trabalhando para que os mesmo sejam analisados e corrigidos.

World of Warcraft Classic virá na versão 1.12 original de WoW, sem expansões, montarias de voo e outras diversas facilidades que WoW foi tendo com o passar de suas expansões, o que cria um Hype enorme para os amantes de RPG mais hardcores, pois chegar ao level máximo será um enorme desafio, assim como diversas de outras funcionalidades do jogo.

Trazer a versão do Clássico de novo é um tiro certíssimo para que WoW volte com mais força, e nós da Let’s RöK! estamos ansiosos para jogá-lo!

Abaixo segue um texto postado pela Community Manager Lorielyth no fórum oficial:

Link: https://us.forums.blizzard.com/pt/wow/t/atualizacao-sobre-o-wow-classic/2617

Olá, entusiastas do Classic! Temos seguido atentamente as discussões sobre o Classic, aqui nos fóruns (e em todos os lados) ao longo dos últimos meses, e queremos dar uma atualização sobre alguns aspetos em que a equipe de desenvolvimento do Classic tem trabalhado desde a BlizzCon e a demo do Classic.

As respostas que recebemos em relação à demo foram fantásticas. Obrigado a todos que nos enviaram tantos comentários com que podemos trabalhar, especialmente os membros da comunidade que compilaram listas de problemas que os jogadores encontraram na demo. Analisamos tudo o que foi relatado e queremos compartilhar algumas coisas com vocês, para que possam ver como estamos lidando com estes problemas.

Algo que muitos jogadores notaram foi que a regeneração de vida e o multiplicador de acerto crítico dos feitiços estavam incorretos. Bem colocado. Ao lançar a demo, pensávamos que tínhamos resolvido esse problema e ficámos surpreendidos por ver que tinha persistido. Antes da BlizzCon, analisamos especificamente a regeneração de vida e mana e resolvemos a questão dos acertos críticos. Fizemos também testes ao combate e à regeneração para nos certificarmos de que estavam corretos.

Descobrimos que havia uma discrepância entre como configuramos o Classic na versão aqui do escritório (versão correta!) e como o configurámos na versão da demo que disponibilizamos (versão incorreta…). Identificar a origem do problema ensinou-nos qual a melhor forma de verificar a configuração da nossa versão enquanto a preparamos para o lançamento.

Outro problema que os jogadores relataram foi que a evocação de demônios do Bruxo não estava funcionando corretamente — muitos jogadores afirmaram que o demônio ativo não devia desaparecer até que o novo aparecesse. Voltamos a consultar a versão 1.12 original do WoW e, lá, o demônio ativo desaparecia assim que o jogador começasse a evocar um novo. Portanto, a demo, de fato, corresponde a como o jogo funcionava originalmente. Houve mais alguns relatos — tais como criaturas raras a infligir muito menos dano e Kobolds na Mina Veiojango a correr mais depressa do que a velocidade de caminhada quando fogem — em que conseguimos confirmar que a jogabilidade da demo correspondia à versão 1.12 original do WoW.

É importante mencionar que há erros que vamos corrigir antes do lançamento e que há erros que não temos a intenção de abordar. Como dissemos na nossa apresentação, na BlizzCon, não vale a pena corrigir algumas diferenças, como diferenças em como o correio funciona. No entanto, resolvemos problemas de prioridade relativamente elevada:

Índice de acerto crítico: agora, cada item “aumenta em X% a chance de conseguir um acerto crítico”.

A energia do Ladino não funcionava corretamente: beneficiava de Aceleração no combate corpo a corpo e era recalculada mais frequentemente do que era suposto. Ambos os problemas foram resolvidos.

A Queda Lenta já não se aplica aos saltos.

O personagem sofrerá um recuo quando te atingem com ataques de longo alcance e de varinhas.

Esquivar de ataques, apará-los e falhá-los ocorria com pouca frequência.

Não foi tudo o que fizemos, claro, mas queremos dar uma ideia das nossas prioridades: sistemas principais do jogo, combate e conteúdo. Dedicamos algum tempo a outros aspetos, como a interface de usuário e em garantir que os gráficos proporcionam a sensação original, mas o nosso foco principal foi a jogabilidade.

Reforçamos que estamos seguindo todas as discussões e adoramos o entusiasmo. Vamos publicar mais informações aqui em breve (e não “em breve™”).

Obrigado e preparem-se para o Classic!